quinta-feira, 28 de maio de 2009

ENAMORADA DO DIA

Quisera ser eu eterna namorada
Do teu alado império que em mim ancora,
Desnudar-me, límpida, sob o véu d'aurora,
Em tom de mistério, vestir-me de fada!

Quisera ser eu tua ninfa sonhada,
Merecer a partilha de estrela cadente,
Que soluça, no breu, em queda iminente,
Por brilhar sozinha, em ânsia adiada!

Quisera ser eu brisa ascendente,
Metade da força que tuas mãos procuram,
P'ra impedir a queda que a Vida augura
À luz dessa estrela que só foi semente!

Quisera eu que a Noite tivesse sido, um dia...
...enamorada do Dia!

Sem comentários:

Enviar um comentário